quinta-feira, 24 de maio de 2012

LUTO


Olá Meninas. 

Meu sumiço se deve a vários fatores, mas o principal é que ela nos deixou. 
Minha madrasta, se foi e confesso que deixou um vazio muito grande. 
Uma mulher de gênio forte, na qual por várias vezes eu confrontei.
Mas nas ultimas semana, como se ela já soubesse que iria nos deixar, me deu a oportunidade de reconhecer e perdoar nossos erros, e aparar as arestas que por anos foram motivos de magoas e discórdia. 
Eu só tenho a agradecer, afinal ela foi companheira do meu pai por 26 anos, e cuidou de nós também. 
Só queria que soubessem que ela deixou uma saudade muito grande. 
O que me conforta foi que ela foi mas me deu a grande chance de cuidar dela e conhece-la . 
Vai em Paz Bela, que Deus esteja ai ao seu lado te ajudando nessa nova caminhada. 

Beijos

2 comentários:

  1. Cristina, que tristeza... é uma pena quando apenas em momentos de doença e morte deixamos nossas diferenças pra lá pra entender o outro. Mas vi que entre idaqs e vindas vocês conseguiram conviver e principalmente quando ela mais precisou de você você esteve lá. Isso foi muito importante; o que passou, passou, o momento vivido por vocês fez todo o passado não passar de passado!
    Aceite meus sentimentos; que pense nos momentos felizes que passaram juntas e se conforte ao saber que ela está num mundo melhor.

    Beijo grande

    kátia

    ResponderExcluir
  2. Sou madrasta d dois meninos q cuido desde q o menor tinha 2 anos e o maior 6 anos. Hj eles tem 13 e o outro 17 anos. Eu tbm tenho o genio dificil e sou rigorosa c eles. Mas os amo e tudo q eu mais qria era sentir o amor deles por mim... há sempre aquela barreira, o velho tabú... madrasta é má. Mas no fundo uma forma d se fazer d forte, passa uma imagem q na verdade não somos... é difícil lidar c nossoa filhos. Imagine c os dos outros....
    Desejo q vcs possam ter quebrado essa barreira e q ambas possam ter tido a coragem e oportunidade d dizr o qto uma foi impotante p outra.

    ResponderExcluir